quinta-feira, 30 de outubro de 2014

Multas de trânsito ficarão até 900% mais caras a partir de sábado

Foto: Gabriel Haesbaert / Especial
A partir de sábado, motoristas que provocarem situações de risco no trânsito estarão sujeitos a pagar mais caro pelas infrações. Em alguns casos, muito mais caro: o aumento no valor das multas, determinado a partir da sanção presidencial de uma lei que altera 11 artigos do Código Brasileiro de Trânsito,pode chegar a 900%.

Os artigos se referem, principalmente, a ultrapassagens em estradas e a disputas de rachas. As mudanças, conforme o Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), podem resultar em mais segurança para motoristas e pedestres, além de preservar a infraestrutura urbana.

Quem for flagrado ultrapassando pelo acostamento, por exemplo, em vez de receber multa de R$ 127,69, como prevê a lei atual, vai passar a pagar R$ 957,70– valor mais de sete vezes maior.

— O bolso é a parte mais sensível do ser humano, por isso há esperança de que a nova lei reduza o número de ocorrências — afirma Rafael Roco de Araújo, doutor em Engenharia com ênfase em Sistemas de Transportes e professor da PUCRS.

Envolvidos em rachas ou corridas não autorizadas também estarão sujeitos a penas mais duras. Atualmente, esses motoristas são condenados a, no máximo, dois anos de reclusão. Com a nova lei, o tempo pode aumentar para seis anos, caso haja lesão corporal, ou para 10, quando resultar em morte.

O projeto foi elaborado em 2007 pelo deputado federal Beto Albuquerque (PSB-RS) e sancionado em maio pela presidente Dilma Rousseff. A mortes por acidentes de trânsito no Brasil aumentaram 41,7% em 10 anos, segundo o Mapa da Violência 2013, divulgado pelo Centro Brasileiro de Estudos Latino-americanos (Cebela).

Ainda que o Rio Grande do Sul tenha caído de 18º para 21º no ranking, houve aumento de 16,9%.

— As multas estão defasadas há muito tempo. Exalto a maior severidade principalmente em relação às ultrapassagens, que podem acabar em choques frontais. Levando em conta a velocidade com que esses veículos transitam, quase sempre há mortos ou, pelo menos, feridos — diz João Fortini Albano, professor de Engenharia de Produção e Transportes da UFRGS.

Em caso de reincidência, a multa será dobrada

A nova lei ainda determina que, se houver reincidência, a multa será reaplicada em dobro, podendo chegar a R$ 3.830,80.

— Pesando no bolso, pode ser também que pese a consciência — afirma o professor da UFRGS.

O Denatran garante que 5% dos recursos das multas são direcionados ao Fundo Nacional de Segurança e Educação de Trânsito (Funset), algo que a ativista Diza Gonzaga, presidente da ONG Vida Urgente, vê com bons olhos, mas com ressalvas.

Ela deseja um percentual maior dedicado a iniciativas que cuidem não só da educação, mas da melhoria das estradas:

— A educação no trânsito é um processo permanente que deve abarcar todos os níveis de ensino, do infantil ao adulto. Gostaria que essa verba fosse utilizada para aprimorar a engenharia de trânsito: se uma curva é chamada “da morte” ou uma estrada é apelidada “do inferno”, algo está errado.

Fonte: Zero Hora

Polícia Federal prende suspeitos de fraude em benefícios previdenciários

Foto: Nayara Vilanova/TV Jornal
A Polícia Federal deflagrou na manhã desta quinta-feira (30) a Operação Omni com objetivo de desarticular uma quadrilha que teria cometido fraudes em benefícios previdenciários em Caruaru, no Agreste de Pernambuco. De acordo com a PF, os suspeitos inseriam dados falsos no sistema da Previdência Social.

Estão sendo cumpridos 51 mandados judiciais, sendo 6 de prisão preventiva, 7 de prisão temporária e 38 de busca e apreensão. Segundo a polícia, “a maioria das pessoas moram em cidades do Agreste. Estima-se que o prejuízo mensal aos cofres públicos seja de R$ 186 mil e até agora já totaliza R$ 12 milhões”. A ação é coordenada pela Polícia Federal de Caruaru.


Do NE10

quarta-feira, 29 de outubro de 2014

Campanha de Vacinação Anti-Rábica neste sábado, 1º de novembro


Acontece no próximo sábado (1) a Campanha Nacional de Vacinação Anti-Rábica para Cães e Felinos e a Secretaria Municipal de Saúde, através do seu Núcleo de Vigilância e em parceria com a ONG Animais Felizes, está convidando toda população que possuiu cães e gatos para vacinar seus animais.

A vacina é gratuita e estará sendo aplicada em todos os Postos de Saúde da Cidade e ainda no Batukão, no bairro da várzea.

"É muito importante manter os animais com suas vacinas em dia. A vacina anti-rábica protege contra a raiva, uma doença que pode ser transmitida a humanos e é fatal", alerta Aron Lourenço, secretário adjunto da Saúde em Serra Talhada.

Da Assessoria de Imprensa da PMST


Número de mulheres eleitas diminui no Brasil

Foto: ABr
No mesmo ano em que a primeira mulher eleita presidente, Dilma Rousseff (PT), se reelegeu, feito também inédito, o Brasil vive a diminuição no número de mulheres nos poderes executivo e legislativo. 

Pela primeira vez em 16 anos, apenas um estado tem uma representante do gênero como governadora - Roraima elegeu Suely Campos (PP) no segundo turno, mas em 2010, por exemplo, foram eleitas Roseana Sarney (PMDB-MA) e Rosalba Ciarlini (DEM-RN). 

Além disso, enquanto foram eleitas 51 deputadas federais no último pleito, hoje elas são 45 dos 513 deputados federais. De 132 deputadas estaduais, a soma das assembleias legislativas do País passou para 120 dos 1.060 parlamentares em todo o País.

Do NE10

terça-feira, 28 de outubro de 2014

Parceria entre Prefeitura e SEBRAE oferece curso gratuito a feirantes em Serra Talhada

Fotos: Leidiane Rodrigues/Agência Papiro
Depois de oferecer gratuitamente no começo do mês o curso de Manipulação de Alimentos, agora junto com o SEBRAE a Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SDE) vai capacitar os permissionários dos boxes da feira Livre e Praça de Alimentação na Lagoa Maria Timóteo.

26 feirantes foram cadastrados pela SDE e não pagarão absolutamente nada para fazer o curso de Atendimento ao Cliente que teve início na noite dessa segunda-feira (27). Com duração de 15 horas/aula, o curso vai até o dia 30 (quinta-feira), e abordará técnicas de venda, perfil do cliente, abordagem, merchandising entre outros. A consultora Ana Calazans, que está ministrando o curso, disse que “o objetivo é melhorar esta relação com o cliente, buscando a fidelização dele”, e analisou ainda que “atualmente os preços estão muito parecidos, o comerciante precisa fisgar o cliente pelo bom atendimento, isso é o diferencial do mercado atualmente”, pontuou ela. 


As aulas acontecem na sede do SEBRAE na Praça Barão do Pajeú, ao lado da Igreja Matriz de Nossa Senhora da Penha, área central de Serra Talhada. A iniciativa atende o compromisso assumido pelo Governo do Município com o Ministério Público (MPPE) e visa melhorar cada vez mais o atendimento no espaço para, conforme diz a secretária de Desenvolvimento Econômico do Município, Luciana Magalhães, "torná-lo cada vez mais atrativo para toda população e para os visitantes", uma das metas da secretaria é consolidar a área como aparelho turístico.

Da Assessoria de Imprensa da PMST

Não sabe o que fazer com o 13º salário? Confira dicas de economistas

Foto: Heudes Regis/JC Imagem
Fim de ano é sinônimo de festas, mas também de 13º salário para muitos trabalhadores com carteira assinada, que contam com o dinheiro extra para pagar contas, adquirir bens ou simplesmente poupar para outro momento. No entanto, é importante analisar particularmente a situação financeira antes de decidir o que fazer com a primeira e segunda parcelas, que saem, respectivamente, até os dias 30 de novembro e 20 de dezembro.

Com a entrada do dinheiro extra, economistas aconselham que as pessoas deem preferência ao pagamento de suas dívidas. Para aqueles que não acumulam despesas, a saída é investir em um bem ou salvar em alguma poupança. Há 27 anos a bancária Ana Rúbia Brito, de 56 anos, trabalha com carteira assinada. Neste período, no entanto, ela nunca guardou o 13º salário. "Geralmente eu utilizo para pagar minhas dívidas. Nunca consegui juntar", declara.

Com o deste ano, ela ainda não sabe o que fazer: ou pagará dívidas, ou comprará moeda estrangeira para uma viagem que fará no próximo ano. Ao contrário de Ana Rúbia, o administrador Paulo Ricardo Batista, de 25 anos, desde que teve sua carteira assinada, guarda o dinheiro extra para investimentos futuros. "Costumo fazer minha planilha de contas e não conto com o valor extra. Ele acaba sendo uma reserva, eu invisto em alguma coisa. Uso uma parcela também para a previdência privada que tenho", completa.

Segundo a professora de economia da UFPE, Tatiane Menezes, é aconselhável que, se a pessoa tiver alguma dívida, pague-a, principalmente de cartões de crédito e cheque especial, em que os juros são maiores. Devem ter preferência no pagamento os débitos maiores. Já para aqueles que têm suas dívidas quitadas, Tatiane indica que guarde o dinheiro para o pagamento das taxas do começo do ano. "O início do ano é marcado por muitas taxas, principalmente para as pessoas que têm filhos e pagam a matrícula e o material escolar. Então é bom garantir o dinheiro para estes pagamentos", afirma Tatiane.

Os mais econômicos também têm a opção de guardar o dinheiro ou investi-lo. Mas a maneira de fazer isto depende da pessoa. "Ela pode colocar na poupança, apesar de, no momento, não ser a melhor coisa a se fazer, porque a inflação está alta", explica o economista Heródoto Moreira. Melhores opções, segundo Heródoto, são investir na agroindústria ou no setor imobiliário. "Isto depende do valor que a pessoa tem para investir, porque no caso da poupança, pode-se colocar o valor que quiser, mas nestes setores existe um valor mínimo", acrescenta.

Do NE10

Postagens mais antigas → Início