0

Festa de Setembro: Festival de Calouros e Banda Retrô animam público em Serra Talhada


A Festa de Setembro de Serra Talhada, que comemora a padroeira da cidade, Nossa Senhora da Penha, chegou ao seu terceiro dia neste domingo (31) e como nas noites anteriores, as atrações se concentraram no Palco Cultura Viva na Praça Dr. Sérgio Magalhães.

No sábado (30, passaram pelo palco Maracatu Nação Império, do Bairro do Mutirão e na sequencia o show da Bandavoou, que mostrou carisma e originalidade.

Já neste domingo quem aportou no Palco da Cultura foi a final do Festival de Calouros. O evento que teve as fases anteriores realizadas na Concha Acústica brindou o público com bom nível entre os finalistas. 

Analisados pelo júri formado por músicos serratalhadenses como Rui Grúdi, Ray di Serra entre outros. A disputa foi acirrada pelas primeiras posições. O primeiro lugar ficou com Ítala Carvalho que interpretou a música “Sonda-me, Usa-me” da cantora gospel, Aline Barros. O segundo lugar ficou com Vadilson e no terceiro lugar Ronaldo Oliveira. 


“Estou muito emocionada e agradecida com a conquista. Foi uma grande disputa, mas graças a Deus no fim deu tudo certo. Todos que competiram estão de parabéns”, disse A vencedora.

Convidado ao palco pela produção, o prefeito Luciano Duque garantiu que o evento será realizado todos os anos e que a prefeitura vai ser parceira no empreendimento. “Podem contar conosco no ano que vem, faremos um evento ainda maio e melhor”, prometeu Duque, sob os aplausos do público.

O festival que recebeu o Nome de "Cantando na Concha" é uma iniciativa da MP3 Produções que tem à frete os músicos José Orlando e Cristiano Leite, para eles o resultado do projeto superou todas as expectativa, "... e o final ter acontecido no polo cultural da Festa de Setembro foi apoteótico... muito bom, isso ns anima para continuar mantendo acessa a chama da cultura de Serra Talhada", declarou Orlando.

Um grande público vem prestigiando o Palco Cultura Viva que nesta segunda-feira (01), apresenta o Grupo Filhos do Sol da Cidade de Iguaracy e Digão Ferraz.

Abaixo você confere o restante da programação da festa que segue até o dia 08:

Dia 02.09.2014 – TERÇA FEIRA (Palco Cultura Viva)

As Cambindas de Triunfo

Tito Lívio

Dia 03.09.2014 – QUARTA FEIRA (Palco Cultura Viva)

Grupo As Belas da Vila

Tico Gonçalo

Doppamina

Dia 04.09.2014 – QUINTA FEIRA (Palco Cultura Viva)

Teatro de Bonecos – Miro dos Bonecos, de Carpina

Caravana Cultura Viva

Gean Mota

Dia 05.09.2014 – SEXTA FEIRA (Palco Cultura Viva)

Grupo de Xaxado Cabras de Lampião

Expresso Pau de Arara

Dia 06.09.2014 – SÁBADO (Palco Cultura Viva)

Grupo Luar do Sertão

Josildo Sá Acústico

Nádia Maia

Dia 07.09.2014 – DOMINGO (Palco Cultura Viva)

08:00 hs – Desfile Cívico.

11:00 hs – Samba de Raiz, com Kakazinho.

21:00 hs.

Coco Trupé de Arcoverde

Rai di Serrat

23horas – No Batukão / Restaurante Dona Aristania: Orquestra Super Oara.

Dia 08.09.2014 – SEGUNDA FEIRA (Palco Cultura Viva)

Show Batista Lima

1º à 5 de setembro, das 14 às 17 horas: OFICINA DE CINEMA – REALIZANDO EM UM MINUTO, com Alice Gouveia, na Sala Multimídia do Museu do Cangaço.

Durante toda a Programação haverá FEIRA DE ARTESANATOS, produzido na região, na área central da Praça Sérgio Magalhães.

PALCO NACIONAL

Dia 04.09.2014 – QUINTA FEIRA

Dorgival Dantas

Toca do Vale

Delmiro Barros

Dia 05.09.2014 – SEXTA FEIRA

Tayrone Cigano

Roger e Adriano

Geraldinho Lins

Dia 06.09.2014 – SÁBADO

Roberta Miranda

Assisão

Forró Pegado

Dia 07.09.2014 – DOMINGO

Kennedy Brasil e Daniel São Paulo

Maciel Melo

As Coleguinhas

Da Assessoria de Imprensa da PMST



0

Voo Recife-Lisboa aterrissa em Cabo Verde devido a avaria técnica



Um voo da companhia aérea portuguesa TAP que saiu do Recife, por voltas das 23h (horário local), em direção à Lisboa, em Portugal na noite desse sábado (30), precisou fazer um pouso de precaução às 3h da manhã deste domingo (31) na ilha do sal, em Cabo Verde, na África. O motivo teria sido uma avaria técnica na aeronave. As informações são do jornal português Correio da Manhã.

De acordo com a TAP, o comandante do voo recebeu um sinal de aviso do sistema indicador de fumaça na cabine e, que apesar do problema não ter sido detectado, ele decidiu por precaução aterrissar no aeroporto mais próximo.

Os 262 passageiros do Airbus A330 precisaram desembarcar e foram hospedados em hotéis da ilha, onde puderam aguardar o próximo voo.

Fonte: NE10



0

Voto nulo é direito, mas não interfere no resultado das eleições



Se tem um alvo certo de polêmica no período eleitoral é o voto nulo, um direito também rodeado de mitos. Ao mesmo tempo em que é incentivada por alguns grupos como protesto contra o atual cenário político, essa manifestação é condenada por outros setores que defendem a ineficácia dela. Cada lado tem seus argumentos, mas uma coisa é certa: atualmente, por não entrar no cálculo do quociente eleitoral, o voto nulo, aquele em que é digitado um número incorreto na urna, não interfere no resultado da votação.

Não entendeu? É que os políticos são eleitos de acordo com a quantidade de votos válidos - ou seja, o total menos a quantidade de nulos e brancos, se você opta pela opção na urna. Para os cargos de presidente, governador e senador, considerados majoritários, a maioria absoluta já elege o candidato. Porém, para deputados federais e estaduais, a conta é um pouco mais complexa, pois são levados em consideração também a votação recebida pela coligação e o número de cadeiras na Câmara dos Deputados e na Assembleia Legislativa de Pernambuco. Isso tudo quer dizer que, na apuração para saber quem foram os postulantes que venceram o pleito, os nulos e brancos não são determinantes.

“Muita gente diz que o nulo vai para quem tiver mais voto, mas não existe isso. O voto nulo não é computado”, afirma Raquel Salazar, técnica judiciária da Corregedoria do Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE). Salazar lembra que, até mais de uma década atrás, o procedimento era esse para os votos em branco. No entanto, a regra já não vale há algumas eleições.

“O voto nulo é um direito, é uma forma de expressão quando você não faz uma escolha diante das possibilidades existentes”, defende Adriano Oliveira, professor de ciência política da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE). Para o especialista, a manifestação não surge necessariamente pelo descrédito da população com a classe política, mas pode, sim, ser um instrumento de pressão.

A técnica judiciária concorda. Ela acrescenta que o voto nulo pode acontecer também por erro dos eleitores. “Às vezes, a pessoa não leva os números anotados em uma fila para a seção ou não sabe a ordem da urna e, em vez de colocar logo o deputado, coloca senador, presidente (a ordem de votação é: deputado estadual, deputado federal, senador, governador e presidente)”, diz. Salazar explica ainda que é por isso que o número de nulos é geralmente maior que o de brancos. Em 2010, houve 15,68% de abstenção no Recife, além de 3,77% de brancos e 4,8% de nulos.

A justiça eleitoral não combate o voto nulo, entretanto incentiva que os cidadãos se conscientizem para poder votar. “Queremos que as pessoas criem essa consciência de que o voto está nas mãos delas, o poder de mudar (a realidade). Têm que lembrar em quem votou nas eleições passadas, ver se fez o que propôs, e pensar no coletivo. É importante valorizar seu voto, já que as pessoas não sabem o poder que ele tem. O bom da democracia é isso: se você achar que votou errado, tem poder de consertar dois ou quatro anos depois”, orienta a representante do TRE-PE.

Uma das campanhas que circulam a favor do voto nulo é de que ele deve ser usado para anular as eleições. Porém, esse é só mais um dos mitos. Ao contrário do que havíamos publicado antes, seguindo a explicação da técnica judiciária do TRE-PE, esses votos não são capazes de cancelar as eleições.

O assunto é tão cheio de controvérsias que até a profissional do órgão oficial passou a informação incorreta. O que acontece, na verdade, é que, de acordo com o Código Eleitoral, o pleito só é considerado inválido se a nulidade atingir mais da metade dos votos. Entenda:

O tribunal explicou novamente, agora sem equívocos. Alguns candidatos podem concorrer ainda sub judice, sem que seja confirmado na disputa pela justiça eleitoral, embora o nome e o número apareçam na urna. Os votos que ele receber são considerados nulos provisoriamente, enquanto não é julgado. Se, após as eleições, a candidatura não for deferida e ele tiver recebido mais da metade dos votos válidos, deve-se realizar um novo processo. Isso ocorreu no município de Água Preta, na Zona da Mata, em 2012. No entanto, um caso diferente foi em Timbaúba, na mesma região pernambucana, onde o vencedor recebeu quase 100% dos votos, já que o seu adversário teve a candidatura indeferida e não tinha mais da metade dos votos.

Fonte: NE10



0

Mãe procura fillha que saiu de casa em Salgueiro

desaparecoda
A mãe da garota Érica Franceline, de 15 anos, procurou a redação do Blog Alvinho Patriota nessa quinta-feira (28) com o intuito de pedir a ajuda de leitores para tentar localizar a adolescente. A jovem saiu de casa a mais de um mês, no dia 14 de julho, sem dizer para onde iria, e não retornou mais.

Segundo a genitora de Érica, esta é a primeira vez que ela foge de casa, ficando vários dias sem dá notícias. Quem tiver informações sobre a menina que aparece na foto acima postada, pode entrar em contato com a família através dos números 8833 7262 e 8876 3294.

A adolescente mora com a mãe e outros familiares no Condomínio Novo Salgueiro, construído através do programa Minha Casa, Minha Vida.



0

Proposta orçamentária prevê salário mínimo de R$ 788,06 para 2015



A partir de 1º de janeiro de 2015, o salário mínimo deve ser R$ 788,06, segundo o Projeto de Lei Orçamentária Anual (Ploa) 2015. Um reajuste de 8,8%. O anúncio foi feito nesta quinta-feira (28) pela ministra do Planejamento, Miriam Belchior, depois de entregar a proposta ao presidente o Congresso, Renan Calheiros (PMDB-AL). A ministra antecipou que o texto prioriza investimentos em saúde, educação combate à pobreza e infraestrutura.

A peça orçamentária traz uma mensagem da presidenta Dilma Rousseff com um diagnóstico sobre a situação econômica do país e suas perspectivas.

Pela Constituição, o prazo de entrega do projeto pelo Executivo termina no dia 31 de agosto. Mas, com a expectativa de conclusão da votação da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO), que define as metas e prioridades da administração pública federal, só na semana que vem, durante o esforço concentrado, o governo se antecipou. A LDO deveria orientar a elaboração da peça orçamentária.

“Coloquei toda a equipe do Ministério [do Planejamento] à disposição, para os esclarecimentos necessários, para que o Congresso possa fazer uma análise rápida do Orçamento e votá-lo até o fim do ano, prazo que o presidente do Senado [Renam Calheiros], confirmou que é possível fazer”, explicou a ministra.

O Orçamento Geral da União (OGU) é formado pelo orçamento fiscal, da seguridade e pelo orçamento de investimento das empresas estatais federais. A Constituição determina que a proposta seja votada e aprovada até o dia 22 de dezembro.

No projeto de lei, também consta a estimativa para a inflação, medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), em 5%, no próximo ano.

A projeção para o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB), soma de todos os bens e serviços produzidos no país, ficou em 3% (R$ 5,756 trilhões).

O governo estima que o superávit primário para o setor público consolidado será R$ 143,3 bilhões, valor que corresponde a 2,5% do Produto Interno Bruto (PIB) – soma de todos os bens e serviços produzidos no país. Com o abatimentos, o superávit primário vai para R$ 114,7 bilhões, correspondentes a 2% do PIB.

O superávit primário é a poupança para pagar os juros da dívida que o governo seus credores. Na medida em que o país consegue alcançar as metas de superávits primários, tem condições de pagar dividas.

Fonte: NE10



0

Inscrições para Programa de Estágio da Celpe vão até o dia 5 de setembro

Maior grupo privado de energia elétrica do Brasil em número de clientes, a Neoenergia abriu inscrições para seu Programa de Estágio 2014. O Grupo Neoenergia controla as distribuidoras de energia elétrica Coelba (Bahia), Celpe (Pernambuco) e Cosern (Rio Grande do Norte), além de geradoras hidrelétricas e térmicas, transmissoras e a comercializadora NC Energia. Em Pernambuco, a empresa conta com 150 estagiários, sendo 98 de nível superior. Nesta sexta rodada de contratação, serão disponibilizadas 21 vagas. As inscrições para o programa devem ser feitas até o dia 5 de setembro, por meio do site: www.neoenergia.com.

Os candidatos ao Programa de Estágio da Neoenergia devem apresentar conhecimentos intermediários de inglês e do pacote Office e estar a quatro semestres do término do curso em uma dessas graduações universitárias: Administração, Arquitetura e Urbanismo, Ciências da Computação, Ciências Ambientais, Ciências Contábeis, Comunicação Social, Design, Direito, Economia, Engenharias, Estatística, Informática, Psicologia, Sistemas de Informação, Gestão de Recursos Humanos, Gestão Financeira, Gestão Ambiental e Gestão Comercial.

O processo seletivo é composto por análise curricular do candidato, provas online (inglês e raciocínio lógico), dinâmica de grupo e entrevistas. Os interessados devem se inscrever em: www.neoenergia.com > Trabalhe Conosco > Conheça nossas Vagas > Programa de Estágio 2014.

Após a inscrição, os candidatos passam por provas online, dinâmicas de grupo e entrevistas individuais, em setembro e outubro. Entre as características requeridas dos futuros estagiários estão colaboração em equipe, comprometimento com resultados, perfil inovador e autoconfiança. Os selecionados começam a trabalhar em novembro.

Os aprovados podem firmar contrato de estágio com vigência de até dois anos. É oferecida uma bolsa de valor compatível com o mercado para o contratado, além de outros benefícios como auxílio transporte e vale alimentação e/ou refeição.

Da Assessoria



0

Ibope: Armando cai de 43% para 38% e Paulo Câmara sobe de 11% para 29%



A primeira pesquisa Ibope divulgada após o trágico falecimento do ex-governador Eduardo Campos (PSB) mudou o cenário do xadrez eleitoral rumo ao governo de Pernambuco. O candidato Paulo Câmara (PSB), “afilhado político” do presidenciável, quase triplicou o seu percentual desde o último levantamento, publicado em julho. No novo cenário, ele aparece com 29% das intenções de voto, contra os 11% da pesquisa anterior. Já o postulante da coligação “Pernambuco Vai Mais Longe”, Armando Monteiro Neto (PTB), caiu cinco pontos percentuais desde a última análise. O petebista passou de 43% para 38%.

Os candidatos Jair Pedro (PSTU), Miguel Anacleto (PCB), Pantaleão (PCO) e Zé Gomes (PSOL) aparecem com 1% das intenções de voto cada um.

Com o guia eleitoral sendo transmitido há uma semana na rádio e na televisão ficou mais claro para o eleitor as alianças firmadas por cada candidato e os padrinhos políticos de cada lado. A comoção gerada em torno do desaparecimento de Eduardo Campos, principal fiador da candidatura de Paulo Câmara, também pode ser considerada como fator contribuinte na análise dos números.

REJEIÇÃO – O índice de rejeição de Paulo Câmara (PSB) está em 9% e o de Armando Monteiro (PTB) é de 17%. Zé Gomes (PSOL) atingiu 33%, Pantaleão (PCO) teve rejeição de 32%, enquanto Jair Pedro (PSTU) ficou com 24% e Miguel Anacleto (PCB), 23%. Entrevistados que não souberam ou não quiseram responder somaram 27%.

Ao todo, 1.521 pessoas foram ouvidas, entre os dias 23 e 25 de agosto, em 69 dos 184 municípios do Estado. A margem de erro é de três pontos percentuais, para mais ou para menos.

O nível de confiança é de 95%, o que quer dizer que, se levada em conta a margem de erro de três pontos para mais ou para menos, a probabilidade de o resultado retratar a realidade é de 95%.

Fonte: Blog de Jamildo



  • Esporte

    Copyright © 2012 Gilberto Lima A Voz Marcante do Rádio.
    Desenvolvido Por: Fábio Virgulino