segunda-feira, 22 de maio de 2017

PRF retém cinco carretas pelo transporte irregular de torres eólicas em São Caetano

Retenção aconteceu na BR-232 (Foto: Divulgação / PRF)
Foto: Divulgação / PRF
Uma fiscalização da Polícia Rodoviária Federal (PRF) no sábado (20) apreendeu cinco carretas irregulares que transportavam torres e pás eólicas na BR-232 em São Caetano, no Agreste de Pernambuco. Dois veículos que prestavam serviço de escolta também foram retidos e um condutor foi notificado pela falta de licença para realizar este tipo de trabalho.

Ao todo, foram emitidas 32 autuações por diversas irregularidades, como Autorização Especial de Trânsito (AET) em desacordo com a legislação, placas de advertência e sinalização inadequadas, além da licença para realização de escolta vencida. Um caminhão que transportava um guindaste também foi autuado no local. As carretas e os veículos foram retidos e só poderão seguir viagem com a devida regularização.

O transporte de cargas indivisíveis deve obedecer a uma série de exigências devido à sua complexidade, peso e dimensões, sendo necessária uma autorização especial para trafegar nas rodovias. Além da exigência de escolta para se evitar acidentes, os motoristas devem passar por uma formação específica para prestar esse serviço.

Confira as vagas de emprego disponíveis para esta segunda-feira (22)

Foto: (Jana Pessôa/Setas-MT)

As Agências do Trabalho estão com vagas de emprego abertas para esta segunda-feira (22) em Caruaru, Bezerros, Garanhuns, Palmares, Santa Cruz do Capibaribe, no Agreste, e Serra Talhada, no Sertão. No total, são 57 oportunidades.

Em Caruaru, os interessados podem se dirigir até a Rua Padre Antônio Tomáz, número 127, no Bairro Maurício de Nassau. O atendimento é das 7h às 13h. O telefone para contato da Agência do Trabalho é o (81) 3719-9480.

Nas demais cidades os candidatos precisam comparecer a unidade mais próxima ou acessar: maisemprego.mte.gov.br.

Confira as 57 vagas disponíveis.

Caruaru

Ajudante de Carga e Descarga de Mercadoria - 1
Auxiliar de Cozinha - 2
Barman - 1
Confeiteiro - 1
Cozinheiro Geral - 1
Fiscal de Loja - 1
Funileiro de Automóveis - 1
Garçom - 1
Gerente de Farmácia - 1
Padeiro - 1
Soldador - 1
Sushiman - 1
Tecelão - 1
Técnico em Segurança do Trabalho - 1

Bezerros

Mecânico de manutenção de máquinas de costura - 1
Eletricista de rede - 5
Garçom - 1

Santa Cruz do Capibaribe


Ajudante de Pasteleiro - 1
Balconista de Farmácia - 4
Farmacêutico - 1
Gerente de Farmácia - 1
Funileiro de Automóveis - 1
Pintor de Automóveis - 1
Preparador de Tintas - 1
Vendedor Pracista - 15

Garanhuns

Instalador de Alarme - 2
Auxiliar Administrativo - 1
Eletricista - 2
Montador de Equipamentos Elétricos - 1
Montador de Máquinas - 1

Palmares
Eletricista - 2

Serra Talhada

Serviços Gerais - 1

domingo, 21 de maio de 2017

Resultado deste domingo (21) no Serra da Sorte

Resultado

sexta-feira, 19 de maio de 2017

Da sátira ao imaginário popular, Coronel Ludugero é imortalizado em Caruaru

Coronel Ludugero (dir.) ao lado do fiel escudeiro, Otrope (Foto: Acervo/Walmiré Dimeron)


Coronel Ludugero (dir.) ao lado do fiel escudeiro, Otrope (Foto: Acervo/Walmiré Dimeron)

Era com uma arma na cintura e um discurso direto que o caruaruense Luiz Jacinto da Silva se apresentava como o Coronel Ludugero. O personagem era uma sátira aos coronéis nordestinos e fez sucesso no rádio durante os anos 60 em Caruaru, no Agreste de Pernambuco.

Nascido no bairro São Francisco, em setembro de 1929, o humorista chegou a trabalhar ajudando o pai a fazer celas de cavalo e em uma padaria, até exercer a função de entregador de telegramas para os Correios. O destino de Jacinto mudou quando ele chamou a atenção de José Almeida e Onildo Almeida, que tinham um programa na extinta Rádio Difusora.

"Zé Almeida vez por outra colocava 'Ludugero' para contar piada. Era muito engraçado. Isso foi crescendo na opinião pública. O povo gostou e ele se tornou um personagem indispensável no programa", disse o cantor e compositor Onildo Almeida, de 89 anos.

As histórias que o coronel contava divertia multidões e logo ele começou a se apresentar com uma grupo de humoristas. Com a trupe, ele fez shows de comédia em Caruaru e em outras cidades e estados do Nordeste. De maneira rápida, ele ganhou todo o país e chegou a trabalhar na extinta TV Tupi e na TV Globo.

Caruaruense, Luiz Jacinto levou o nome do município para todo o país (Foto: Acervo/Walmiré Dimeron)

"Ludugero, pela sua desenvoltura, humor picaresco e também debochado, só encontrou páreo no caipira vivido por Mazaroppi no cinema. Na época, o Brasil brejeiro estava na moda, basta lembrar o furor que a estonteante Carmen Miranda fizera anos antes nos palcos e cinemas de todo o mundo", destaca o historiador e presidente do Instituto Histórico de Caruaru, Walmiré Dimeron.

Apesar de ser a atração principal das apresentações, o coronel dividia o sucesso com outros personagens como a esposa dele, Felomena, a filha Trubana e o secretário especial, Otrope, que era interpretado por Irandir Peres Costa. As situações vividas pelo grupo ocorriam em uma fazenda.

"Luiz Jacinto e Irandir Peres Costa, ou Ludugero e Otrope, conquistaram de forma perene um lugar de destaque no imaginário popular. São dois ícones de Caruaru e geniais artistas populares, que com seus quadros inesquecíveis, projetaram sua terra no Brasil inteiro", completa Walmiré.
Corpo de Luiz Jacinto em cortejo (Foto: Acervo/Walmiré Dimeron)

Tragédia interrompeu a carreira do 'Coronel'

Em uma turnê de shows de humor, em 14 de março de 1970, Jacinto foi vítima de uma tragédia. O avião que levava ele e a trupe caiu no Pará e todos morreram. A queda deixou a aeronave nas águas escuras da Baía de Guajará-mirim.


O corpo de Jacinto só foi localizado no dia 30 de março. De acordo com o historiado, até hoje se fala que o cortejo fúnebre do Coronel Ludugero foi o maior realizado na cidade.


Primo segue passos na cultura popular
Nelson Lima é poeta e primo em segundo grar de Luiz Jacinto. Ao G1, ele conta que assistiu a um show do Coronel Ludugero e revela de como se recorda do primo. "Ele sempre foi muito cuidadoso com a família", lembra.


O contato de Nelson com Jacinto foi pouco, já que o poeta tinha entre 11 e 12 anos quando o humorista morreu. Mesmo assim, ele se inspirou no primo para seguir a carreira artística ainda na adolescência, quando criou o personagem Coronel Lundruguinha.


Nelson Lima caracterizado de Coronel Lundruguinha (Foto: Nelson Lima/Arquivo Pessoal)
"Manter a tradição artística da família, que começou com 'Ludugero', me deixa muito lisonjeado. Em uma festa da família, quando eu tinha 14 anos, me organizei com um grupo para fazer apresentações culturais. Eu sempre ficava com a parte de humor. Foi quando eu criei o Lundruguinha. Meu irmão fazia o Otrope", detalha.


Em homenagem a Luiz Jacinto, Nelson produziu um cordel contando a história do primo. A obra será lançada ainda neste ano.


Nelson Lima atualmente é poeta e cordelista (Foto: Joalline Nascimento/G1)



quinta-feira, 18 de maio de 2017

PF em Pernambuco prende homem e apreende computadores durante operação contra pornografia infantil

PF apreendeu computadores durante operação realizada em Pernambuco (Foto: Ascom/PF)
Foto: Ascom/PF
Polícia Federal em Pernambuco informou, nesta quinta-feira (18), ter cumprido oito mandados de busca e apreensão e um de condução coercitiva na Região Metropolitana do Recife e no Sertão do estado. Durante a "Operação Cabrera", que visa combater a pornografia infantil, um homem, de identidade não informada, foi preso em flagrante. A operação faz parte de uma ação nacional para marcar o dia de combate ao abuso e exploração sexual na infância. Ao todo, cerca de 370 policiais cumpriram 93 mandados de busca e apreensão, além de duas prisões preventivas e uma condução coercitiva, em 17 estados e no Distrito Federal.

A prisão ocorreu ao ser cumprido um dos mandados de busca e apreensão no município de Ouricuri, Sertão pernambucano. No local, as equipes da PF encontraram material pornográfico infantil no computador do suspeito. Ele seguiu para a Delegacia de Salgueiro, mesma região do estado.

O homem é encarregado de eletricista e tem 36 anos. A Justiça arbitrou uma fiança no valor de quatro salários mínimos. Caso ele pague a quantia, será liberado.

A operação acontece no dia do Combate à Exploração Sexual Infantil. A ação teve início na quarta-feira (17) e segue pela manhã desta quinta-feira (18). Entre os crimes investigados, armazenamento, compartilhamento e divulgação de imagens e vídeos de pornografia infantil na internet.

Foto: Ascom/PF
Nesta quinta-feira, quatro policiais deram cumprimento ao mandado de busca e apreensão em Ouricuri, que resultou em uma prisão. Na quarta, foram cumpridos sete mandados de busca e apreensão e um de condução coercitiva no Recife, Olinda e Jaboatão dos Guararapes, todos localizados no Grande Recife. Ao todo, seis equipes participaram da operação.

Foram apreendidos discos rígidos e mídias de computadores. Segundo a PF, foram detectados, em alguns, conteúdos de pornografia infantil.

No Brasil, os mandados foram cumpridos no Acre, Amazonas, Amapá, Bahia, Ceará, Goiás, Minas Gerais, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Pará, Pernambuco, Paraná, Rio de Janeiro, Rondônia, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e São Paulo, além do Distrito Federal.

Investigações

As investigações tiveram início em março de 2016. A suspeita é que usuários de programas de compartilhamento de arquivos estavam armazenando e enviando fotos e vídeos contendo cenas de sexo explícito ou pornográficas de crianças e adolescentes.

Caso seja confirmada a presença do material, os suspeitos poderão responder pelo crime de armazenamento e compartilhamento de conteúdo pornográfico de crianças e adolescentes. A pena é de um a seis anos de reclusão.

A operação foi batizada de "Cabrera" em homenagem a uma garota de 8 anos que foi sequestrada, vilentada e morta, em Vitória (ES). O crime de Aracele Cabrera ocorreu em 18 de maio de 1973 e permanece impune até hoje. Por isso, o 18 de maio é considerado o dia nacional de combate aos crimes sexuais contra a infância.

terça-feira, 16 de maio de 2017

Universidade de Pernambuco abre seleção de estágio em Serra Talhada

Resultado de imagem para IMAGEM UPE

Estão abertas as inscrições para o Programa de Línguas e Informática (Prolinfo), da Universidade de Pernambuco (UPE) - Campus Serra Talhada, no Sertão. As vagas de estágio são para atuar nos cursos das línguas inglesa, espanhola e portuguesa, e informática.

De acordo com o professor Vinícius Pascoal, o único requisito para participar do processo seletivo é estar cursando o ensino superior em qualquer categoria (licenciatura, bacharelado, pós-graduação), ensino técnico ou médio. Ao total, o programa contabiliza mais de 200 turmas simultâneas.

"Todos os docentes-estagiários serão acompanhados de perto por uma equipe de coordenadores pedagógicos, que orientam no cotidiano do programa", conforme informou a assessoria da imprensa da UPE.

Ao G1, o professor Vinícius informou que a seleção de estagiários segue até julho. "Após a seleção, abriremos para o período de inscrições dos alunos", disse. Os interessados devem se inscrever no portal do Prolinfo.

Sobre o Prolinfo

Os cursos de inglês, português, espanhol e informática oferecidos pelo Prolinfo são abertos à população em geral. Qualquer pessoa acima de 13 anos pode estudar no programa, não há necessidade de fazer prova nem vestibular para se matricular. Também não há cobrança de mensalidades e o material didático é disponibilizado gratuitamente aos estudantes.

Postagens mais antigas → Página inicial